Internacionalização das PME

Designação do Projeto: WirExport
Código do Projeto: NORTE-02-0752-FEDER-002438
Objetivo Principal: Reforçar a Competitividade das PME
Região de Intervenção: NUT III Área Metropolitana do Porto
Entidade Beneficiária: Wire Maze - Sistemas de Informação, S.A.
 
Data da Aprovação: 21 de Fevereiro 2016
Data de Início: 10 de Setembro de 2016
Data de Conclusão: 09 de Março d 2018
Custo Total Elegível: 225.060,01 Euros
Apoio Financeiro Público Nacional/Regional: 101.227,00 Euros

 

Síntese do Projeto

O projeto WirExport foi promovido pela WireMaze, uma empresa líder de mercado em desenvolvimento de soluções de TI, vocacionada para ferramentas eGovernment, eHealth e eTourism, e que tem a sua principal fatia de clientes no sector público nacional, caracterizando-se fundamentalmente por autarquias, empresas Municipais no sector do turismo, associações, teatros, entidade públicas na área da saúde, empresas públicas relacionadas com a oferta turística das regiões, universidades e algumas empresas privadas. Ao longo dos anos a empresa amadureceu a sua quota de mercado nacional, podendo, assim, centrar as suas atenções nos mercados internacionais. Assim, o presente projeto teve como principal propósito potenciar o crescimento da atividade de exportação da empresa e, paralelamente, acelerar a colocação dos seus produtos – no âmbito do eGovernment e eTourism - em diferentes mercados internacionais, em específico, naqueles que a empresa delineou inicialmente como alvo para o negócio os EUA, Reino Unido, França, Canadá, Alemanha, Espanha, Dinamarca, Brasil, Irlanda e Senegal. Posteriormente, e devido a alterações nas oportunidades identificadas nos diferentes mercados geográficos, verificaram-se alterações na definição destes mercados-alvo, nomeadamente, tendo-se substituído a França, o Canadá, a Alemanha, a Dinamarca, a Irlanda e o Senegal por Marrocos e Itália.


Para que tal objetivo fosse concretizado, a Wiremaze investiu em viagens de prospeção – quer em missões empresariais externas quer em missões inversas – com vista a angariar clientes / parceiros pela demonstração da aplicabilidade das suas soluções no terreno. Adicionalmente, a empresa participou ainda numa Conferência do Observatório Internacional de Democracia Participativa – realizada em Moçambique – a qual teve como tema “Boa Governação e Participação Inclusiva do Cidadão”, o que, evidentemente, se encontra totalmente alinhado com os domínios abordados no presente projeto. A participação nesta Conferência permitiu à WireMaze aumentar a visibilidade da sua marca, demonstrando as potencialidades das suas soluções e mostrando as suas mais-valias enquanto empresa.


Com efeito, pela estratégia de internacionalização implementada pelo presente projeto, a WireMaze pretendeu estabelecer parcerias estratégicas com empresas ligadas às TIC tendo em vista uma entrada mais célere e facilitada nos mercados internacionais, promovendo poupanças consideráveis em termos de tempo e de recursos, desburocratizando o processo de estabelecimento da empresa nos mercados-alvo identificados previamente, e permitindo, assim, um acesso quase imediato aos mercados.

Untitled